terça-feira, abril 15, 2014

Corte caseiro

Depois de vários anos na indecisão se comprava ou não, lá me decidi e comprei mesmo. Um aparador de cabelo ou de pêlos, depois de ver uma promoção num folheto do MediaMarkt. Não comprei lá, quer dizer comprei, mas nunca mais enviavam o produto (apesar de nas condições dizerem que enviavam no dia seguinte) portanto cancelei e comprei noutra loja (mesmo uns euritos mais caro).
É um espectáculo, tem 5 cabeças de corte diferente e vários pentes. Serve para aparar e estilizar barba, bigode, pêlos do nariz e das orelhas, as sobrancelhas e a nuca. Tem até uma cabeça para aparar (e com diferentes "alturas") os pêlos do corpo, e julgo que servirá também para aparar os pêlos da gaita e dos tomates, quiçá mesmo os do cu também!

Mas uma coisa o aparador não faz. Não corta o cabelo. Mas, como seria de esperar, foi para isso mesmo que o comprei e foi para isso mesmo que o usei! Aliás não fazia sentido ter aqueles pentes todos e não aparar o cabelo. E digo-vos, ficou que foi um espectáculo. Grande parte do mérito vai para a Carolina que acabou por fazer de cabeleireira e usar ela o aparador, pois eu estava com algumas dificuldades em saber como cortar a parte não visível. O único problema é que não sendo feito para aparar cabelo, a cabeça é mais pequena e demora um pouco mais, mas com os acessórios todos que tem, o resultado final é o mesmo.
E não vai haver grandes riscos de "abusar" da máquina pois agora tendo, posso aparar, ou ela pode aparar-me, o cabelo muito mais vezes, cortando pouco de cada vez.

Agora só me falta descobrir como usar para os efeitos que foi concebido...

Sem comentários:

Publicar um comentário

Opina à tua vontade